Radar Litoral

Novo sistema de monitoramento integra forças de segurança em São Sebastião; "cinturão eletrônico" é interligado ao Detecta



Postado em: 30/05/2020


O novo sistema de monitoramento de São Sebastião está em fase de testes e será entregue oficialmente no mês de jullho. Na sexta-feira (29/5), o Radar Litoral acompanhou a apresentação feita pelo prefeito Felipe Augusto ao novo comandante da primeira Companhia da Polícia Militar na cidade, capitão Fabrício Paluri, acompanhado do capitão Adriano Diniz, que deixa o pelotão de Ilhabela para assumir o comando do policiamento de Caraguatatuba. Conforme explicou o prefeito, o novo sistema cria o chamado "cinturão eletrônico" e está ligado ao Detecta da Polícia Militar, monitorando de forma inteligente todo o município.

A reunião também tratou da atividade delegada e as ações conjuntas das forças de segurança, o que incluiu Guarda Civil Municipal (GCM) e Polícia Militar. O novo sistema de monitoramento conta com 52 câmeras, sendo 12 no modelo OCR (Optical Character Recognition), que permite um reconhecimento óptico de caracteres.

De acordo com a prefeitura, o novo sistema traz uma maior capacidade de zoom, leitura automática de placas e carácteres e pessoas em veículos. Poderá comportar ainda identificação facial e aproximação. “A nova tecnologia permite criar um sistema de inteligência. Teremos controle total de quem entra e quem sai do município”, explicou o prefeito Felipe Augusto.

As câmeras OCR estarão presentes em diversos bairros como Boracéia, Boiçucanga, Maresias, Cigarras, São Francisco, além dos três bairros da Costa Norte: Enseada, Jaraguá e Canto do Mar. O valor do investimento no sistema de seguranaça é de R$ 10,2 milhões, num contrato de 24 meses. 

Integração

Vale ressaltar que câmeras de condomínios também serão integradas ao sistema.  Assim como câmeras de lojas, das sociedades amigos de bairro, e outros sistemas de segurança coletivo. “É preciso apenas ir até o Centro de Operações Integradas e preencher um termo de adesão, para inserir as câmeras ao sistema. Assim, mais de mil outras câmeras também estão sendo integradas ao sistema”, explicou o secretário municipal de Segurança, Emerson Elias.

O novo sistema de monitoramento de São Sebastião também é integrado a Polícia Militar (PM). Uma central de rádio do Centro de Operações Integradas (COI) foi disponibilizado à PM para otimizar a comunicação. Com a nova tecnologia, não haverá mais pontos cegos na cobertura do sistema de rádios.

O capitão PM Fabrício Paluri elogiou o sistema e ressaltou que as ações de inteligência são fundamentais no combate à criminalidade. Além de quatro estações de Rádio Base, com a entrega de 70 rádios portáteis para os agentes da GCM e de Trânsito, além de serem instalados 28 rádios móveis em viaturas e rádios em bases fixas.

“Esse novo cinturão eletrônico é de fundamental importância pra redução de índices criminais. A parceria com a Polícia Militar é sempre bem vinda para gerar segurança”, considerou o prefeito Felipe Augusto ao ressaltar que o cinturão eletrônico da cidade é ligado ao Sistema Detecta da Polícia Militar. Os dados reúnem informações e fotos de criminosos procurados, cadastro de pessoas desaparecidas, dados sobre a situação de veículos, se está com os documentos em ordem, se foram furtados, roubados ou clonados. Estão integrados ao sistema os bancos de dados das polícias civil e militar, do Registro Digital de Ocorrências (RDO), Instituto de Identificação (IIRGD), Sistema Operacional da Polícia Militar (SIOPM-190), Sistema de Fotos Criminais (Fotocrim), além de dados de veículos e de Carteira Nacional de Habilitação (CNH) do Detran.



Últimas Notícias