Divulgação/Sabesp

Sabesp usa nova tecnologia para detectar reparos nas redes no Litoral Norte



Postado em: 30/06/2022


Visando usar novas tecnologias para melhorar o sistema de saneamento, a Sabesp iniciou, nesta segunda-feira (27), no Litoral Norte, inspeções nas adutoras de água utilizando equipamento magnético. O Método de Memória Magnética é capaz de detectar rupturas pontuais nas redes, o que evita escavações desnecessárias, e permite o reparo mais rápido.

Os trabalhos foram iniciados nas adutoras de água que estão sob a rodovia SP-55, entre os reservatórios: Palmeiras Norte, Bombeamento Gaivotas e a Estação de Tratamento de Água Porto Novo. Todo este sistema é responsável pelo abastecimento da região central de Caraguatatuba até o centro de São Sebastião, totalizando 16 kms de tubulações, que levam água tratada a quase 18 mil imóveis.

Para a realização da inspeção, a equipe técnica contratada pela Companhia caminha pelo asfalto utilizando o equipamento magnético capaz de detectar rupturas ou desgastes ocorridos pela ação do tempo. Todo o método é feito por georreferenciamento, ou seja, por meio de coordenadas geográficas a partir de mapas ou imagens.



Últimas Notícias